TERRAMOTOURISM

“um retrato subjetivo de uma cidade e a sua transformação ao longo dos últimos 6 anos“

GMURDA – conversa sobre ruína


GMURDA é um colectivo de improvisação sonora que começou no RDA69, espaço associativo nos Anjos, em Lisboa, em Novembro de 2012.

Tem explorado estruturas arquitectónicas devolutas ou arruinadas, desde piscinas municipais a complexos militares, passando por escolas, igrejas, fábricas ou armazéns. A metodologia de exploração estabelece o campo para a acção, presente, construída colectivamente a partir dos materiais e ressonâncias que se encontram no próprio lugar. A improvisação aqui significa essa procura de posições colectivas temporárias, sem que para elas haja um mapa prévio.

No dia 29 de Março...

MULTIDÃO: serafina / liberdade


Do início de Setembro ao fim de Dezembro de 2014, a stress.fm esteve no Bairro da Serafina e no Bairro da Liberdade. 

Multidão: serafina / liberdade foi um projecto da stress.fm que girou entre a partilha e difusão de narrativas, procurando oscilar entre o individual e o colectivo, entre o local e o global, entre o verdadeiro e o fictício; questionando as fronteiras entre o espaço público e o pessoal, interrogando as definições de comunidade nas suas concepções geográficas ou de interesse.


Esta peça audio é um resumo do trabalho desenvolvido neste período de tempo.


Podem aceder a todos os conteúdos do...

No passado dia 13 de Novembro, Lisboa viveu uma das maior mobilizações de imigrantes (e de apoio aos seus direitos) da sua história. O que estava em causa, entre outras coisas, é a exigência de direitos iguais e documentos para todos.

Apesar da mudança de governo há um ano, o acesso à cidadania por parte de algumas grupos de imigrantes não melhorou e, para algumas situações, até piorou (como a recusa dos serviços em aceitar novas inscrições na segurança social).

Essas restrições são contraditórias a uma cidade cosmopolita que anuncia em cartazes durante a web summit a sua capacidade de “fazer pontes” e “não construir...